Últimas Notícias

Vento forte derruba árvores e cobertura das quadras de escola em Maresias; Prefeitura inicia retirada da estrutura.

Os fortes ventos da noite deste sábado (24), de até 100 km/h, na Costa Sul de São Sebastião, causaram quedas de árvores e da cobertura da quadra poliesportiva da Escola Municipal Edileusa Brasil Soares de Souza, em Maresias. Não houve registro de feridos ou desabrigados. A Prefeitura esclareceu que a Escola Peixinho Dourado terá aula normal nesta segunda-feira (26) já os estudantes da Escola Edileusa terão as aulas suspensas.

A Prefeitura de São Sebastião informou que está empenhada em uma força tarefa com equipes da EDP Bandeirante e das Regionais, retirando materiais da estrutura da quadra poliesportiva da Escola Municipal Edileusa Brasil Soares de Souza, em Maresias, que caíram sobre um poste de energia, depois que fortes ventos atingiram a Costa Sul. Os fios foram desenergizados pela EDP.

A reforma da quadra havia começado na última semana, mas a partir de agora a Ordem de Serviço assinada pelo prefeito Felipe Augusto, com prazo de conclusão de dois meses, precisará ser revista e um novo projeto será feito para reconstrução da quadra. A estrutura da escola, não foi comprometida.

A cobertura da quadra caiu por volta das 22 horas e ficou escorada em um poste e na fiação elétrica. Equipes da Defesa Civil e da Secretaria de Serviços Públicos, por meio de suas regionais, estiveram no local e duas ruas foram interditadas.

O prefeito Felipe Augusto, que também foi à escola logo após o ocorrido, informou pelas redes sociais que a estrutura passava por reforma há cerca de uma semana. “A empresa contratada anteriormente para realizar o serviço faliu. Tivemos de fazer uma nova licitação. Felizmente, os danos foram apenas materiais”, afirmou o prefeito.

Árvores

Foram registradas quedas de árvores em diversos pontos da Rodovia Rio-Santos. A situação mais complicada foi na serra entre Maresias e Boiçucanga, onde uma árvore de grande porte caiu próximo ao km 158. O trecho ficou interditado nos dois sentidos até que equipes da Defesa Civil e Secretaria de Serviços Públicos fizessem a sua remoção, com apoio da GCM e Detraf.

Houve o registro de outras quedas de árvores ao longo da rodovia, que não causaram a interrupção do tráfego.

Fonte: Radar Litoral.

Sobre Oscar de Oliveira Neto

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*